10 poemas de Paulo Leminski

Ontem, dia 24 de Agosto de 2014, o escritor Paulo Leminski completaria 70 anos. Sou uma grande fã desse poeta que me inspira das mais diversas formas e não poderia deixar essa data passar em branco. Em comemoração ao aniversário do Polaco mais amado do Brasil, separei dez de seus poemas (que são alguns dos meus preferidos), retirados do livro Toda Poesia, publicado pela editora Companhia Das Letras. Confira:

Paulo-leminski-em-foto-de-1984

Foto: Google Images

Quem nasce com coração?
Coração tem que ser feito.
Já tenho uma porção
Me infernando o peito.

Com isso ninguém nasça.
Coração é coisa rara,
Coisa que a gente acha
E é melhor encher a cara.

_

Não sou o silêncio
que quer dizer palavras
ou bater palmas
pras performances do acaso

Sou um rio de palavras
peço um minuto de silêncios
pausas valsas calmas penadas
e um pouco de esquecimento

Apenas um e eu posso deixar o espaço
e estrelar este teatro
que se chama tempo.

_

Nada tão comum
que não possa chamá-lo
meu

Nada tão meu
que não possa dizê-lo
nosso

Nada tão mole
que não possa dizê-lo
osso

Nada tão duro
que não possa dizer
posso.

13set1988---paulo-leminski-e-a-cantora-fortuna-ensaiam-para-show-que-fariam-no-extinto-dama-xoc-em-sao-paulo-1368753719496_956x500

Foto: Google Images

Objeto
do meu mais desesperado desejo
não seja aquilo
por quem ardo e não vejo

Seja a estrela que me beija
oriente que me reja
azul amor beleza

Faça qualquer coisa
mas pelo amor de Deus
ou de nós dois
seja.

_

Não possa tanta distância
deixar entre nós
este sol
que se põe
entre uma onda
e outra onda
no oceano dos lençóis.

_

Um passarinho
volta pra árvore
que não mais existe

Meu pensamento
voa até você
só pra ficar triste.

tumblr_l7mpgmnac11qzaympo1_400

Foto: Google Images

Apagar-me
diluir-me
desmanchar-me
até que depois
de mim
de nós
de tudo
não reste mais
que o charme.

_

Você para
a fim de ver
o que te espera

Só uma nuvem
te separa
das estrelas.

_

Soubesse que era assim
não teria nascido
e nunca teria sabido

Ninguém nasce sabendo
até eu que sou meio esquecido
mas disso sempre me lembro.

tn_620_600_leminski_311010

Foto: Google Images

O que quer dizer

O que quer dizer, diz.
Não fica fazendo
o que, um dia, eu sempre fiz.
Não fica só querendo, querendo,
coisa que eu nunca quis.
O que quer dizer, diz.
Só se dizendo num outro
o que, um dia, se disse,
um dia, vai ser feliz.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s